2

Blog informativo sobre KEFIR

Pesquise e encontre AQUI, são mais de 180 postagens.

Conheça o Filmjolk - o iogurte infinito.

Conheça o Filmjölk 

Olá amigos tenho uma grande novidade para você!  

Ganhei uma nova semente de iogurte ele se chama Filmjölk, uns sites dizem que ele é originário da Finlândia outros da Suécia, na dúvida, deixo meus agradecimentos aos dois países. 
Filmjölk palavrinha difícil, pronuncia: "firmiorqui", ele é carinhosamente chamado de FIL pelos apreciadores.


Vamos conhecer o filmjölk? 
Como ele é, de onde veio e como se cultiva.






filmjölk é um iogurte produzido por bactérias da espécie:  Lactococcus lactis e Leuconostoc mesenteroides  e cultiva-se a uma temperatura mais baixa do que os iogurtes comerciais que temos no Brasil, o que lhe confere um sabor e uma textura diferente.

filmjölk é mesófilo, ou seja, fermenta o leite de vaca na temperatura média de 25ºC.  

Existem os iogurtes que tem bactérias termófilas (precisam de temperatura acima dos 40º C e necessitam de equipamento como as iogurteiras elétricas); não é o caso do filmjölk, do Caspian Sea Yogurt nem do Kefir.

Qual a diferença? 
A diferença entre os leites fermentados está relacionada com o tipo de bactéria adicionada durante o processo de fabricação, se fundamenta na espécie bacteriana lática utilizada (tipo de fermento) com suas particularidades na elaboração.

Quais os benefícios? 
Aqui no blog não indicamos que o consumo de uma bebida fermentada probiótica faz curas milagrosas.
Os benefícios vem da ação em conjunto dos alimentos prebióticos (frutas-verduras-sementes-legumes...) em simbiose com os alimentos probióticos, daí a necessidade de ter hábitos alimentares saudáveis.
Os fermentados com  filmjölk são alimentos probióticos.
Siga sempre orientações de um profissional da área.


Para saber como cultivar culturas mesófilas em países de clima tropical clique aqui.

O sabor é suave com um leve toque de sabor de queijo, a consistência do Iogurte é moderadamente grossa, não é viscosa como o Caspian Sea Yogurt e nem ácido como o Kefir de leite; um excelente substituto para o cream-chese em receitas, não tem como descrever sabor, só provando mesmo!

É excelente sozinho ou com frutas, ou faz um bom complemento para smoothies.

As bactérias metabolizam a lactose o açúcar presente naturalmente no leite em ácido láctico, que significa que as pessoas que são intolerantes à lactose podem tolerar isso melhor do que outros produtos lácteos, esse ácido dá filmjölk um gosto levemente ácido e faz com que as proteínas no leite, principalmente a caseína coagulem, engrossando assim o produto final, o ácido lático e o diacetil  contribuem para ressaltar o sabor e aroma de iogurte e que dá filmjölk seu sabor  característico.

Filmjölk é semelhante ao leite fermentado da cultura de kefir na consistência, tem um sabor suave e ligeiramente ácido, mas é bem mais suave que o kefir, agrada crianças e idosos.

Qual a origem do filmjölk?

filmjölk é originário da região dos países nórdicos que incluem entre eles a Finlândia, Suécia, Noruega, Dinamarca, Islândia.
Na Suécia, é normalmente vendido em pacotes longa vida  de 1 litro. Ele tem um prazo de validade de cerca de 10-14 dias refrigerado, aqui um lembrete: o filmjölk caseiro que faremos, não terá uma validade assim tão longa, sugiro sempre que consumam em 4 dias a 1 semana no máximo! Estamos num país tropical.


Filmjölk em caixa longa vida vendido na Suécia
Filmjölk


Neses países , filmjölk é comumente consumidos no café da manhã ou como um lanche entre as refeições, da mesma maneira como iogurte, geralmente numa tigela com uma colher. 
Filmjölk pode ser servido puro, com cereais matinais, granola ou esmagados pão torrado por cima para quem acha o filmjölk um pouco ácido pode adicionar açúcar, geléias ou frutas.



Em Norueguês é chamado surmelk ( Nynorsk : surmjølk) (sourmilk), mas o nome oficial é kulturmelk ( Nynorsk : kulturmjølk). 

A bebida também é popular na cozinha Letônia , onde é chamado rūgušpiens, rūgtpiens (leite fermentado ou sourmilk) e podem ser comprados prontos em lojas, mas mais comumente são feitos em casa.

Filmjölk fabricado é feito a partir de leite pasteurizado , homogeneizado de leite de vaca. 


O filmjölk caseiro tem registros escritos do século 18, mas provavelmente vem desde a Idade Viking ou mais, foi introduzido pela primeira vez ao mercado sueco como um produto de consumo em 1931 pela cooperativa de laticínios sueca Arla . 

O primeiro filmjölk foi insípido, sem adição de sabor e continha 3% gordura láctea. 
O Långfil, uma variante mais elástica de filmjölk foi introduzido em 1965; lättfil, filmjölk com 0,5% de gordura do leite foi introduzida em 1967; E mellanfil, filmjölk com 1,5% de matérias gordas provenientes foi introduzido em 1990.
Em 1997,  a Arla lançou seu primeiro filmjölk aromatizado com sabor morango .  
Curiosidade: essa indústria sueca produz também filmjölk com kefir, que contém apenas um pequeno subconjunto de microorganismos encontrados em grãos de kefir.


Como cultivar o filmjölk?

filmjölk é uma cultura reutilizável, retira-se um pouco da cultura anterior que denominamos aqui de "semente", starter ou muda de filmjölk; e usamos ele para fazer novo lote de filmjölk.
Com cuidado, a cultura iogurte filmjölk pode ser usado para fazer iogurte caseiro indefinidamente. 


Para fazer um lote de iogurte caseiro, basta adicionar a cultura filmjölk ao leite, mexer, em seguida, deixe-o em repouso até ficar firme, e após, colocar na geladeira para estabilizar a fermentação. 
Uma pequena quantidade do lote atual de iogurte é então usado para fazer o próximo lote e assim por diante. 

Proporção ideal:
1 a 2 colheres de sopa da cultura de Filmjölk e
1 copo de leite.
Se vai usar o leite cru para fazer iogurte caseiro precisa ferve-lo antes e esperar atingir a temperatura média de 25º C, só depois inocule a semente do filmjölk.



Filmjölk - receba a semente em sua casa.
Start de filmjölk desidratado




Grupo de doação no Facebook:  KEFIR É SAUDE Doação de Probióticos   

https://www.facebook.com/groups/kefiresaudedoacaodeprobioticosoficial/    







Curta nossa página para receber mais 
conteúdos de qualidade:



Referência: Wkipédia  - Filmjolk  

Comente com o Facebook: